Alimentação durante a viagem

[PT] Muitos têm nos perguntado sobre alimentação das crianças durante a viagem e resolvemos fazer um post especial!

Normalmente durante as viagens eles comem de tudo, mas o bom arroz e feijão é o preferido deles – o que nem sempre está disponível. Nessa última viagem à Patagônia sentimos mais dificuldade, pois na estrada o que achamos fácil foi milanesa com fritas e macarrão. Arroz até conseguimos que preparem na hora, mas o nosso feijãozinho sem chance!

Assim descobrimos o que eles chamam de cabañas ou chalés para nós. São mini casinhas, mas com fogão e cozinha equipada onde é possível cozinhar. E a lentilha nos salvou!

Íamos ao mercado ou às vendas das cidades e comprávamos frutas (as campeãs são bananas e uvas) e legumes (principalmente cenoura e pepino). Fazíamos geralmente a janta e o que sobrava levávamos para almoçar no passeio ou na estrada. As cenouras, pepinos e bananas são salvadores em momentos de trilha e de estrada, pois além de nutritivos, as crianças se divertiam ao comê-los.

Não tínhamos geladeira nem fogão de camping, assim a quantidade comprada era realmente para 2 refeições.

A maioria dos lugares que visitamos era parques e passeios de trilha e todos possuem área para piquenique. No Chile, Argentina e Uruguai isso é algo muito comum, em Torres del Paine por exemplo existem lanchonetes, mas a maioria estava fechada por não ser alta estação e assim é natural que se leve comida para o dia.

Ainda sobre a cabaña, se trata de uma opção com algumas vantagens tais como: como preço às vezes menor, algumas tem área como churrasqueira e espaço para as crianças brincarem livremente, possuem aquecimento. Em alguns lugares mais ao sul do continente pegamos temperaturas à noite abaixo de 10º C, o que dificulta dormir na barraca com crianças muito pequenas.

[EN] Many have asked us about feeding the children during the trip and we decided to make a specific post about this subject!

Usually during the trips they eat everything, but the typical Brazilian rice with beans which is their favorite was hardly available. In this last trip to Patagonia we felt that directly, as what we found more frequently was Milanese with fries and pasta. We were able to get some rice, but beans no chance!

So we discovered what they call cabañas or chalets. They are mini cottages, but with a stove and an equipped kitchen where you can cook. And cooking the lentil, which replaced the beans, saved us!

We usually went to the market at the cities and bought fruits (the champions were bananas and grapes) and vegetables (mainly carrots and cucumbers). We usually made dinner and what was left from that would feed us for next day´s lunch. The carrots, cucumbers and bananas were saviors at times of trekking and road, because in addition to being nutritious, the children had fun while eating them.

We had no fridge or camping stove, so the amount of food we bought was for 2 meals.

Most of the places we visited were parks and trekking places, and all had picnic area. In Chile, Argentina and Uruguay this is very common, in Torres del Paine, for example, there are snack shops, but most of them were closed because of low season and so it was natural to carry your own food for the day.

Still about the cabaña, this is an option with some advantages such as: at sometimes lower price, some have barbecue area and space for children to play freely, and they have heating. In some places to the south of the continent we got temperatures at night below 10º C, which made it uncomfortable to sleep in the tent with very young children.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s